Páginas

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Serra é multado por propaganda irregular em igreja

Durante um culto da Igreja Apostólica Maravilha de Cristo o candidato pediu votos diretamente.
Serra é multado por propaganda irregular em igreja 
Serra é multado por propaganda irregular em igreja

A Justiça eleitoral, através do juiz Manoel Luiz Ribeiro, determinou nesta terça-feira (9) que o candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra, pague uma multa de R$5.000 por fazer propaganda irregular em uma igreja da capital.
No sábado (6) o candidato esteve participando de um culto na Igreja Apostólica Maravilha de Cristo, na zona Leste da capital, sendo apresentado pelo pastor Atalaia como “futuro prefeito de São Paulo” e ao ter a oportunidade de falar com os presentes pediu votos diretamente, o que é proibido por lei.
Em sua decisão o juiz anotou que “além da propaganda irregular feita pelo pastor, o próprio candidato subiu ao púlpito e fez propaganda eleitoral em benefício próprio, mencionando sua candidatura, com pedido de voto.”
Serra teria afirmado que tem compromisso com valores e princípios e que precisava da igreja para governar. “Nós queremos uma proximidade por uma razão básica. Quem precisa do governo não é a igreja, o governo é que precisa da igreja. Eu tenho dito isso sempre, em toda a minha vida. Por quê? Porque nós precisamos ter valores na sociedade, nós precisamos ter princípios. Isso é o contrário do país da permissão”.
O culto foi gravado e o vídeo levado à justiça pelo Ministério Público Eleitoral. Em sua defesa o candidato questionou a validade do vídeo que foi usado como prova e disse que não havia nenhuma irregularidade em sua participação no culto.

Fonte: Gospel Prime

Nenhum comentário:

Postar um comentário