Páginas

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Rússia proíbe adoção de crianças por casais gays e cidadãos solteiros

Rússia proíbe adoção de crianças por casais gays e cidadãos solteirosRússia proíbe adoção de crianças por casais gays e cidadãos solteiros
O governo da Rússia proibiu a adoção de crianças por casais homossexuais e por cidadãos solteiros. A nova lei tem como objetivo “garantir a defesa” das crianças.
A lei proíbe a adoção para “pessoas do mesmo sexo, casadas conforme a legislação dos países que permitem esse tipo de união, assim como aqueles que forem solteiros”.
A medida afeta cidadãos russos e estrangeiros, mesmo aqueles onde em seus países a união gay é legalizada, que tenham interesses em adotar crianças russas. São 14 países que aceitam a união entre pessoas do mesmo sexo, entre eles Holanda, Bélgica, Espanha, Canadá, África do Sul, Noruega, Suécia, Portugal, Islândia, Argentina, Dinamarca, Uruguai, Nova Zelândia e França.
O Brasil, que já reconhece a união estável entre homossexuais, também acaba sendo atingindo pela lei russa. Se algum casal formado por dois homens ou duas mulheres tiver interesse em adotar uma criança russa terá o pedido negado.
“O cumprimento desta disposição ajudará a aperfeiçoar o procedimento de entrega de crianças a famílias de cidadãos da Federação Russa e a estrangeiros, bem como garantir a defesa dos direitos e interesses destas crianças”, diz a nota emitida pelo governo.
Em 1º de janeiro deste ano a Rússia tinha 106.646 órfãos ou crianças sem a tutela dos pais, um número 36% menor do registrado em 2009. Para facilitar a adoção, o governo suspendeu a necessidade de apresentar uma certidão técnico-sanitária da residência dos futuros pais adotivos e também reduziu de 15 para 10 o prazo para a aprovação da adoção.
A Rússia tem medidas severas a respeito do homossexualismo. Em junho do ano passado uma lei, aprovada com 436 votos a 0, proibiu a propaganda de relação sexuais “não tradicionais”. Uma pesquisa realizada com a população mostrou que 88% dos russos aprovaram a proibição da chamada “propaganda gay”.
Via Gospel Prime

Projeto de Lei quer incluir show gospel no calendário de SP

Projeto de Lei quer incluir show gospel no calendário de SPProjeto de Lei quer incluir show gospel no calendário de SP
O vereador Jean Madeira (PRB) protocolou na Câmara de São Paulo um projeto de lei para incluir um show gospel no calendário da cidade.
O PL 01-00012/2014 foi protocolado no dia 4 de fevereiro decretando o instituição do dia 15 de novembro para a realização do evento “Louvorzão”.
Pelo texto a a São Paulo Turismo — SP Turis ficaria responsável por promover o evento enquanto que o poder Executivo poderia firmar parcerias com empresas, clubes, associações, entidades educacionais e outras instituições para a realização desse evento.
Na justificativa do projeto, Madeira, que é pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, lembra o crescimento do segmento gospel no país e que a música religiosa já é considerada como manifestação cultural.
“Assim, por ser a música gospel uma manifestação cultural de interesse público para a Cidade de São Paulo, representada pelos mais de dois milhões de evangélicos e a todos os apreciadores do estilo musical, a proposta visa promover esta legítima reivindicação da população por tais atividades.”
Em suas redes sociais o vereador mostrou alegria em poder dar voz ao público evangélico da cidade. “O público gospel terá voz e vez em SP, pois protocolei a PL 12/2014 – FÉ SÃO PAULO – LOUVORZÃO”, escreveu ele postando uma foto do documento.
O projeto já foi recebido na Câmara e está em tramitação, se for aprovado ainda terá que receber a assinatura do prefeito Fernando Haddad.
Leia o projeto na íntegra:
PROJETO DE LEI 01-00012/2014 do Vereador Jean Madeira (PRB)
“Institui no âmbito do Município de São Paulo, o Evento Fé São Paulo – “Louvorzão”
e da outras providências.”
A Câmara Municipal de São Paulo D E C R E T A:
Art. 1º Fica instituído no âmbito do município de São Paulo, o evento Fé São Paulo — “Louvorzão” a ser realizado anualmente no dia 15 de novembro.
Art. 2º O evento ora instituído será organizado pela São Paulo Turismo — SP Turis.
Art. 3º Para a promoção do evento, o poder Executivo poderá firmar parcerias, com empresas, clubes e associações desportivas, entidades educativas e outras entidades da sociedade civil.
Art. 4º A divulgação do evento Fé São Paulo – “Louvorzão” será disponibilizada em veículos de mídia impressa, falada e televisiva, bem como no Portal da Prefeitura, na lnternet e no Diário Oficial da Cidade.
Art. 5º O evento poderá compor o calendário Oficial de Eventos do Município de São Paulo.
Art. 6º As despesas decorrentes da execução desta Lei correrão por conta de dotações orçamentárias próprias, suplementadas se necessário.
Art. 7º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.
Sala das Sessões, 04 de fevereiro de 2014. Às Comissões competentes”. 
Via Gospel Prime

Líderes mudam culto por “formato moderno” querendo atrair fiéis

Líderes mudam culto por “formato moderno” querendo atrair fiéisLíderes mudam culto por “formato moderno” querendo atrair fiéis
Algumas mudanças na dinâmica de celebrações religiosas nos Estados Unidos mostram uma tendência que vem se desenvolvendo em uma sociedade onde cerca de um terço dos adultos norte-americanos dizem que nunca ou raramente frequentam um templo. Segundo diferentes pesquisas, o número de americanos que não se identificam com nenhuma religião continua a crescer rapidamente, em especial os jovens.
Uma das opções que cresce em popularidade é a execução de músicas “seculares” durante o período de louvor. A Igreja Metodista Unida de Saint Andrew, em Omaha, por exemplo, incorporou canções do grupo Eagles ao repertório. Uma das mais tocadas é “Desperado”, cuja letra diz “É melhor você deixar alguém te amar, antes que seja tarde demais”. É bom lembrar que isso ocorre em Omaha, capital do tradicional (e rural) Estado do Nebraska.
Bruce Davis, o pastor local usa isso para falar durante o sermão sobre o amor de Deus por todas as pessoas. Ele usa regularmente trechos de músicas que tocam nas rádios para “deixar a pregação mais envolvente”. Mark Ashton, pastor da Igreja Comunidade de Cristo, na mesma cidade, faz o mesmo “Se não conseguirmos envolvê-los, eles vão embora”, explica.
Muitos pastores tem defendido que é mais importante que nunca oferecer sermões que além de compartilhar a mensagem de Deus consigam prender a atenção das pessoas. Há igrejas que além de oferecer uma rede wifi aberta no templo, incentiva que os membros comentem nas redes sociais o que acontece no culto.
Dan Weber, pastor da Igreja Luterana Rei dos Reis de Omaha, busca fazer as duas coisas. Ao mesmo tempo que usa clips de filmes projetados no telão como suas ilustrações, ainda arranja tempo para responder via Twitter aos comentários da congregação enquanto prega.
Meredith Garwood, 28, foi entrevistada na saída do culto na Rei dos Reis. A fiel afirmou que o uso de mídias sociais, além de filmes e músicas são muito bons pois ajudam a transmitir as ideias aos mais jovens, que cresceram com a tecnologia.
Não são apenas os pastores que se preocupam em dar esse ar de modernidade às celebrações. O rabino Jonathan Gross da sinagoga Beth Israel de Omaha optou por aposentar o púlpito e agora faz o seu sermão em um formato de talk-show, incluindo convidados e assistente de palco.
Gross sempre abre com um pequeno “monólogo” onde define a mensagem de Torá da semana. Passa então a conversar com pessoas selecionadas, incluindo outros rabinos, sobre temas ligados à mensagem. Para ele, mesmo sendo algo diferente, na essência não deixou de lado as Escrituras e as orações tradicionais. Antes de usar o novo formato, chamado de “Show do Sábado”, a sinagoga atraia cerca de 75 pessoas a cada semana. Agora está reunindo mais de 100.
Trecho do culto na sinagoga:
Padres católicos em geral são mais tradicionais no formato das missas. Mas isso não impede Tom Neitzke, padre jesuíta que lidera a Igreja Católico Sagrado Coração, use piadas, notícias da semana para tornar “a mensagem mais relevante e envolvente”, explica. “É importante ter uma noção do que está na mente das pessoas”, enfatiza Neitzke.
Ele afirma estar cumprindo o que o papa Francisco pediu no final de 2013 na exortação Evangelii Gaudium, que diz: “a pregação, dentro da Liturgia, requer uma séria avaliação por parte dos Pastores… porque são muitas as reclamações relacionadas com este ministério importante, e não podemos fechar os ouvidos. A homilia é o ponto de comparação para avaliar a proximidade e a capacidade de encontro de um Pastor com o seu povo”.
Com informações de Omaha.com
Via Gospel Prime

Mais da metade dos solteiros cristãos fazem sexo antes do casamento


pesquisa solteiros cristãos

Mais da metade dos solteiros cristãos fazem sexo antes do casamentoMais da metade dos solteiros cristãos fazem sexo antes do casamento
Um estudo mostrou que os cristãos solteiros dos Estados Unidos não seguem a doutrina de fazer sexo só após o casamento.
O grupo Christian Mingle, site de relacionamento voltado para cristãos, entrevistou quase 3 mil solteiros com idades entre 18 e 59 anos a respeito de diversos assuntos ligado a encontro, namoro e casamento.
Entre as perguntas respondidas estava: você fará sexo antes do casamento? As respostas foram 63% disseram que sim, 19% afirmaram que só farão se estiverem apaixonadas, 5% que sim apenas se o relacionamento for sério e apenas 13% responderam que não farão sexo antes do casamento.
Pelos dados apresentados os homens estão mais dispostos a ferirem a regra religiosa do que as mulheres, mas a diferença é pequena, sendo 69% deles, contra 57% delas.
A idade também interfere na decisão de fazer sexo antes do casamento, para se ter uma ideia 68% pessoas com idades entre 45 e 54 anos não querem esperar o casamento para ter relações sexuais. Já entre os jovens de 18 e 24 anos esse número é de 58%.
Os resultados frustram alguns líderes religiosos e mostram que cada vez mais a juventude cristã americana tem assumido posicionamentos parecidos com as atitudes de não-cristãos.
A conferencista Renee Fisher, autora de livros voltados para relacionamentos, teve acesso aos dados da Christian Mingle e ficou preocupada com os resultados. Ela escreveu em seu blog que o sexo fora do casamento não é o melhor de Deus para a vida de um casal.
Ela cita Marcos 10. 7 a 9 e afirma: “O sexo é muito maior do que um relacionamento, a necessidade de compartilhar um sentimento ou de experimentar a química sexual como um ‘test-drive’. Há uma conexão divina que Deus criou entre o marido a esposa”.
Fisher rejeita os ensinamentos de que sexo é ruim e sujo. Ela afirma que quando se casou precisou romper com este pensamento e descobriu que o relacionamento sexual é ótimo. “O sexo é tão bom que ele tem poder de mudar e transformar vidas”, disse ela. Renee afirma também que o sexo deve ser praticado depois do casamento “porque foi o jeito que Deus planejou” e deixou uma mensagem de encorajamento dizendo “que vale a pena esperar”.
Via Gospel Prime

Líderes evangélicos apoiarão candidatos diferentes no RJ

Líderes evangélicos apoiarão candidatos diferentes no RJLíderes evangélicos apoiarão candidatos diferentes no RJ
Faltando cerca oito meses para as eleições de 2014 alguns líderes evangélicos já foram procurados e já confirmaram apoio político para os candidatos ao governo do Rio de Janeiro.
O voto dos religiosos está cada vez mais disputado, mas as diferenças denominacionais interferem no resultado final, já que não há acordo entre as principais igrejas.
Os candidatos ao governo do Rio são: Lindbergh Farias (PT), Fernando Pezão (PMDB), Anthony Garotinho (PR) e Marcelo Crivella (PRB) cada um deles já conta com o apoio de lideranças diferentes do Estado.
O pastor Silas Malafaia, da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, já confirmou seu apoio ao senador do PT. Farias já foi até a sede da ADVEC, no bairro da Penha, e recebeu uma oração do líder religioso que não quer apoiar, em hipótese alguma, o indicado do PMDB.
Em entrevista ao jornal O GLOBO, Malafaia afirmou que teve uma conversa com Pezão e explicou seus motivos para não apoiá-lo: “Pezão, lamento dizer. Você representa o governador Sérgio Cabral. E o Cabral não cumpriu nenhum acordo. Ao contrário: fez de tudo para beneficiar a causa gay no legislativo. Agora, se ele quiser votos, que procure os gays”.
Já o pastor da Assembleia de Deus Madureira, Abner Ferreira, deve apoiar Pezão que já até discursou para os pastores que participaram da Convenção Estadual das Assembleias de Deus do Ministério Madureira no estado do Rio (Conemad-RJ) no ano passado.
Outro líder evangélico de grande influência no Rio de Janeiro é o missionário R.R. Soares que vai apoiar a candidatura de Anthony Garotinho. Os filhos de R.R. Soares já atuam na política, Marcos Soares, que hoje é deputado estadual, tentará uma vaga na Câmara Federal, enquanto que Filipe Soares tentará a vaga na Assembleia Legislativa.
A Igreja Universal, uma das maiores do país, vai dar todo apoio para a candidatura de Marcelo Crivella, que lidera as pesquisas de intenção de votos no Rio de Janeiro.
Sobrinho do bispo Edir Macedo, Crivella tem uma vida política admirada pela população do Rio de Janeiro que na última eleição o escolheu como senador da república.
A Igreja Mundial do Poder de Deus também entrará nessa disputa, mas até o momento a liderança não escolheu qual candidato irá apoiar. Lindbergh, Pezão e Garotinho já procuraram os representantes da IMPD no Rio de Janeiro e o senador petista até já participou de um culto da denominação.
“O grupo da igreja já está trabalhando, mas ainda é cedo para uma decisão”, afirmou o deputado federal, pastor Francisco Floriano, braço-direito de Valdomiro.
Via Gospel Prime

Pastor que usava cobras em culto morre após ser picado

Pastor que usava cobras em culto morre após ser picadoPastor que usava cobras em culto morre após ser picado
O pastor Jamie Coots, conhecido internacionalmente por usar cobras durante os cultos, morreu neste sábado (15) depois de ser picado por uma das cobras.
A morte do religioso foi confirmada pelo  Departamento de Polícia de Middlesboro, em Kentucky (Estados Unidos), que recebeu uma chamada de emergência vinda da própria igreja onde o pastor pregava naquela noite.
Após ser picado pelo cobra, o pastor não quis esperar o socorro e foi para sua casa. As equipes de emergência chegaram até a residência de Coots, mas ele recusou o tratamento e uma hora depois faleceu.
O pastor usava as cobras para testar a fé dos fiéis durante o culto e manipulava os animais para tentar provar o poder de Deus. Em alguns cultos os fiéis precisavam segurar esses animais nas mãos enquanto recebiam uma oração de Coots.
A forma como ele pregava chegou a ser tema de uma reportagem do canal National Geographic no episódio “Snake Salvation”.
Jamie Coots também ganhou destaque nacional quando foi pego em flagrante transportando três cascavéis e duas copperheads de Knoxville, no Tennessee, para o estado de Kentucky, onde morava. O caso aconteceu em janeiro de 2013 e os policiais confiscaram as cobras e prenderam o pastor por posse ilegal de animais selvagens.  Por conta desse crime, ele foi condenado e recebeu um ano de liberdade condicional sem supervisão.
Via Gospel Prime

STJ mantém prisão preventiva do pastor Marcos Pereira

STJ mantém prisão preventiva do pastor Marcos PereiraSTJ mantém prisão preventiva do pastor Marcos Pereira
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido de Habeas Corpus feito pela defesa do pastor Marcos Pereira, preso desde maio do ano passado acusado de estupro.
O Recurso Ordinário foi movido diante da decisão da 8ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro que havia negado o pedido semelhante.
A defesa alega que a prisão causou constrangimento ilegal ao fundador da igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD), que a denúncia é atípica e que ele não agiu mediante violência real.
Outro ponto apresentado pelos advogados de Pereira é que a vítima não foi submetida a exames de corpo de delito e que a prisão teve como base apenas o depoimento.
O relator do recurso, o ministro Jorge Mussi, entendeu que o Habeas Corpus é uma medida excepcional que só é emitida em casos de atipicidade da conduta ou em casos de ausência de indícios de autoria ou de materialidade do delito.
Mussi também comentou a falta de exame de corpo de delito, lembrando que esse exame só é essencial quando o crime deixa vestígios. “Não sendo possível o exame de corpo de delito, por haverem desaparecido os vestígios, a prova testemunhal poderá suprir-lhe a falta”, afirmou.
“Como vem orientando a jurisprudência desta Corte Superior, a forma de execução – evidenciadora da gravidade concreta do delito cometido, bem como a reprovabilidade da conduta do envolvido e a sua propensão à prática delitiva bem demonstram a periculosidade e a real possibilidade de que, em liberdade, volte a delinquir, o que afasta o alegado constrangimento ilegal”, disse o ministro ao registrar seu voto.
Em setembro o pastor Marcos Pereira foi condenado a 15 anos de prisão por estupro. A decisão é da 2ª Vara Criminal da Comarca de São João de Meriti, na Baixada Fluminense.
Via Gospel Prime

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

China inaugura novos postos para abandono de ‘bebês indesejáveis’

Imagem: Divulgação/EFEO governo chinês anunciou no fim de semana a abertura de 25 novos postos que permitem a pais abandonarem com segurança filhos indesejados.
As autoridades planejam anunciar mais estabelecimentos desse tipo em breve, apesar das críticas de que eles encorajem o abandono de recém-nascidos.
No entanto, as estruturas, que consistem em uma incubadora e um sistema de alarme, elevam as chances de sobrevivência dos bebês.
Muitas das crianças chinesas indesejadas são abandonadas por doenças graves ou deficiências físicas.
Funcionamento
O Centro Chinês para o Bem-Estar e Adoção das Crianças afirmou à agência de notícias estatal Xinhua que mais de duas dezenas de postos para abandono de bebês foram inaugurados desde a primeira estrutura do gênero na cidade de Shijiazhuang na província de Hebei em 2011.
A maior parte deles foi aberta nos últimos meses. Um desses postos, em Guangzhou, recebeu 79 bebês nos primeiros 15 dias de funcionamento.
Os pais colocam a criança na incubadora, pressionam o botão de alarme e depois vão embora, mantendo o anonimato. Dez minutos depois, um funcionário chega para recolher o bebê.
O abandono de crianças é ilegal na China, mas as autoridades de saúde acreditam que as incubadoras criam um ambiente seguro para os bebês – e aumenta suas chances de sobrevivência. Caso os postos não existissem, afirma o governo, eles continuariam a ser abandonados nas ruas.
Anteriormente, apenas um em cada três recém-nascidos abandonados sobreviviam.
“As leis enfatizam a prevenção, enquanto as incubadoras de bebês focam no resgate quando as leis são quebradas”, afirmou à Xinhua Li Bo, diretor Centro Chinês para o Bem-Estar e Adoção das Crianças.
No passado, a política de filho único foi considerada culpada pelo alto número de meninas abandonadas pelos pais.
Tradicionalmente, as famílias chinesas dão preferência aos filhos homens.
Por causa disso, se o primeiro filho for menina, muitos pais decidem abandoná-la para tentarem engravidar de um menino.
No entanto, segundo autoridades, os bebês que vêm sendo abandonados são tanto do sexo masculino quanto feminino.
Autoridades de saúde afirmam que a maioria dos bebês deixados nos postos têm problemas de saúde e são abandonados porque seus pais temem que eles não tenham dinheiro suficiente para pagar o tratamento médico.
Muitos dos bebês abandonados nas incubadoras carregam dentro de sua roupa recados, dinheiro ou o histórico médico.
Estimativas oficiais indicam que 10 mil crianças são abandonadas na China todos os anos.
Para acolhê-las, as autoridades afirmam que cada província deve instalar pelo menos dois postos até o final do ano.
Fonte: BBC Brasil
Via Verdade Gospel